A primavera e suas famosas flores de cerejeira no Japão

Este post faz parte de uma blogagem coletiva da RBBV (Rede Brasileira de Blogueiros de Viagem) onde diversos blogueiros brasileiros contarão para os seus leitores sobre a primavera em diferentes destinos. Eu escrevi sobre as flores de cerejeira no Japão.

Pessoas do mundo todo visitam o Japão para ver esse espetáculo

Ao programar minhas férias para o Japão eu tinha apenas uma condição: ir na primavera e ver as flores de cerejeira. Muitos amigos japoneses afirmavam que essa é a melhor época para visitar o país e também um dos momentos mais lindos. 

As flores aos poucos tomam conta das cidades

Estava viajando pela Ásia por 9 meses e não tinha as datas programadas. Se meu marido e eu gostássemos de uma cidade estendíamos uns dias a mais, se alguém comentasse que tinha uma linda cidade no meio do nada e que tínhamos que visitar, íamos sem dor de cabeça. Sem restrições. Com a proximidade da primavera eu sempre perguntava a minha amiga japonesa quando era a melhor data para chegar e ver as flores. 

Não existe uma data específica, depende do clima, todos os anos é diferente. Em alguns anos elas começam a florecer mais cedo e em outros anos mais tarde. O fenômeno começa de sul a norte e cada região tem seu momento. Em Tóquio, Quioto e Osaka as primeiras flores desabrocham entre final de março e meados de Abril, formando um espetáculo nas ruas e parques. Encurtamos nossa viagem na China e definimos uma data baseada na previsão do tempo. 

flores de cerejeira no Japão

Cheguei justamente em tempo de aproveitar a floração das cerejeiras. Tive a sorte de ter minha amiga Manami como guia e nos levar nos lugares mais lindos. Não tinha ideia da importância que esse momento tinha para os japoneses até ver o olhar deslumbrado dela enquanto caminhávamos no parque Ueno em Tóquio. Perguntei por que ela parecia maravilhada com as árvores já que ela via isso todos os anos, e com um sorriso ela me respondeu: “todo ano é diferente e especial“. Com mais de 200 tipos diferentes de flores, elas são chamadas em japonês de Sakura. 

Arisa, Mariano, eu, Megumi e Manami. Tenho muita sorte de ter amigos japoneses tão prestativos.

Sakura e suas lendas

Enquanto caminhávamos embaixo de um lindo corredor cheio de flores brancas com tons rosados, Manami comentava que haviam diversas lendas sobre a origem das flores. Uma delas dizia que uma princesa veio do céu e aterrissou em uma árvore cerejeira.

“Acho que vi um gatinho”

Outra diz que uma princesa caiu perto do monte Fuji e se transformou em uma flor de cerejeira. Há também aqueles que acreditam que o nome surgiu no cultivo do arroz, já que parte do nome “Kura” significa depósito onde guardam arroz. E não para por aí não, ela disse que haviam diversas outras lendas, porém que não lembrava de todas. 

Hanami

A primavera é a época favorita dos japoneses, não só pelo fim do inverno, mas também por poderem observar as lindas flores Sakura. Eles até criaram um nome para essa atividade de apreciar as flores, Hanami.

Diversas famílias aproveitando o Hanami

A maioria reúne familiares e/ou amigos e fazem piqueniques embaixo das árvores. Encantados eles tiram diversas fotos. Outros escolhem essa época para casar ao ar livre. Vimos muitas produções cinematográficas aproveitando a paisagem também. 

Meu Hanami aniversário em Quioto.

Acreditem se quiser a florada é curta e dura entre 3 a 5 dias, sendo assim associada a vida dos samurais que davam suas vidas em batalhas. Depois disso as flores caem no chão como neve, formando também um lindo cenário. 

Onde e como aproveitar o Hanami? 

Depende de que cidade visite e se as flores estão florescendo nela nessa época. Tive muita sorte. Cheguei em Tóquio para o comecinho. De lá fui para Osaka e estava quase acabando. Depois fui para Takamatsu e estavam lindas as flores. Dias depois ainda consegui curtir meu aniversário fazendo Hanami em Quioto. Foram 20 dias no Japão onde vimos as Sakura em todos os lados. 

Os melhores lugares para curtir-las são: 

Tóquio: Ueno Parque, Shinjuku Gyoen e Sumida Parque

Ueno Parque

Osaka: castelo de Osaka

Castelo de Osaka

Quioto: Philosopher’s Path, Canal Okazaki

As lindas flores em Quioto

Takamatsu: Konpira Shrine, Jardim Ritsurin.

Jardim Ritsurin de noite

Monte um piquenique e entre no clima. Em vários lugares há festivais com barraquinhas e comidas típicas. Em Takamatsu, no Jardim Ritsurin, nós visitamos o parque de noite para ver as luzes que iluminavam as árvores.

Manami e Kuro, casal japonês. Minha felicidade antes de provar o doce feito de flor.

Haviam várias barraquinhas com doces típicos feito com a flor. Seja o que for fazer, o que vale é entrar no espírito Hanami e curtir o melhor da Sakura. 

Para ver como é a primavera em outros destinos, acesse os links abaixo:

Passeiorama – Primavera em NY 
Guia do Nômade Digital – Parques de Madrid na Primavera
Grazie a te – Primavera em Florença

Está procurando hotel para suas férias? O Booking.com tem acomodação que cabe no seu bolso e ainda você ajuda o blog. Reservando através do nosso link você não paga nada a mais por isso e uma pequena comissão é repassada para o blog para seguir o sonho de trabalhar com esse meio.

Curta nossa página no Facebook, siga o nosso Twitter e Instagram para ficar por dentro de todas as novidades. Estou também no Snapchat (likewanderlust), me adiciona lá.
Gostou das flores de cerejeira no Japão? Compartilha! Comenta!

34 Comments

  1. Fernanda Bragatto

    25 de abril de 2017 at 11:01

    Gente, que sonho!! Eu vou pro Japão agora em Agosto. Não consegui férias na época das Cerejeiras, uma peninha!! Quando eu era criança assistia um desenho que chamava Sakura Card Captors, interssante saber que o nome da heroina do desenho significa primavera!! Viajando e aprendendo!!

    1. Giulia Sampogna

      25 de abril de 2017 at 19:39

      Fernanda acredito que o Japão é maravilhoso em qualquer época. Então espero que aproveite bastante. Abraços.

Leave a Reply

Close