Casamento na Argentina: curiosidades e diferenças com o Brasil

Era uma vez uma noiva brasileira que planejava seu casamento na Argentina e pensava que seria tudo contos de fadas. Infelizmente a vida real é bem diferente não é. Vou te contar as curiosidades e diferenças de casar na Argentina.

Quando fiquei noiva fiquei um pouco pirada, afinal sendo brasileira, meu marido argentino e morando na Austrália, não tem como não ficar confusa. Depois de muito planejamento e dúvidas decidir fazer o meu casamento na Argentina.

Leia também: Estou noiva e agora? Como ser uma noiva em outro país.

Por mais que os dois países sejam um do ladinho do outro, a nossa cultura é bem diferente. Hoje casada com um argentino por 2 anos e juntos a 6, posso dizer que sempre descobrimos diferenças. E no quesito casamento não seria diferente. Vou listar algumas curiosidades e diferenças que encontrei no meio do caminho.

Horas de festa

Não há quem não fique com gostinho de quero mais nos casamentos brasileiros que duram 4 horas de festa. Porém para adicionar uma horinha a mais já é uma fortuna, então deixa pra lá. Um dos fatores que me fez escolher fazer meu casamento na Argentina: na maioria das vezes são 8 horas de festa. Isso mesmo, e sem exagero. Como minha cerimônia foi mais cedo, minha festa durou 10 horas. Pura felicidade e curtição. Ninguém saiu de lá com gosto de quero mais, ficamos satisfeitos.

Curtimos muito nossas horas de festa
Casamento civil

Muitos argentinos fazem o casamento civil no mesmo local da festa religiosa. A maioria dos salões tem um local para fazer a cerimônia civil. Eu não me casei no civil na Argentina, decidi fazer na Austrália. Quer saber por que? Então vamos lá.

Exame de sangue para casar no civil

Isso mesmo, eles exigem um exame de sangue para casar na Argentina. Eu odeio tirar sangue e evito de todas as formas. Esse exame serve para saber se o seu companheiro (a) possui alguma doença. Já deixam tudo claro entre os casais.

Abundância de comida

Impossível sair com fome de um casamento na Argentina. Na minha festa foi canapés na recepção, jantar com direito a dois pratos, churrasco e pizzas no meio da noite. Tudo em grande quantidade. Além claro, da mesa de doces que na maioria das vezes é com tortas e bolos.

Prato principal da nossa festa
Ninguém entra na igreja além da noiva

Nas cerimônias religiosas todos se preparam em seu determinados lugares e ficam virados para a porta esperando a noiva entrar com o pai. Não é costume que ninguém mais entre a não ser ela.

Eu e meu irmão entrando na igreja
Os pais são os padrinhos e madrinhas

Nos casamentos brasileiros cada um escolhe quantos padrinhos e madrinhas quiser e pronto. Na Argentina não, na maioria das vezes os pais são os padrinhos e madrinhas. Fica um casal de um lado e outro casal de outro. No meu casamento eu não quis fazer assim, sorte que o padre que nos casou foi bem legal e deixou eu mudar a tradição.

Padrinhos e Madrinhas: irmãos e amigos
Geralmente a decoração das festas não considerada como algo muito importante

Impossível negar que no Brasil a decoração é praticamente o fator mais importante de uma festa de casamento. Cada vez com produções mais cinematográficas, os casamentos no Brasil arrasam nesse sentido. Já na Argentina, não é considerado algo importante. Na maioria das vezes são algumas poucas flores e tudo bem simples. Eu quis fazer algo um pouco mais e para mim continuou simples, pare eles ficou uau.

Decoração da mesa de doces.
Tarjeta

Uma prática comum na Argentina é que cada convidado pague o seu convite. Os noivos avisam quanto custa a “tarjeta” e todos depositam ou entregam o valor antes da festa. Ajudando os pombinhos a economizar na festa. Bem legal né?

Algo novo, algo velho, algo emprestado e algo azul

As noivas argentinas tem a tradição de seguir isso arrisca para ter sorte no casamento. Como eu ia me casar lá, segui o mesmo modelo: algo novo foi a minha flor para o cabelo, algo velho meu sapato que eu ganhei um ano antes do meu irmão, algo emprestado foi um anel da minha cunhada e algo azul foi a minha calcinha, na maioria das vezes é uma cinta liga.

Primeiro a cerveja, depois o fernet

Meus amigos brasileiros quando chegaram queriam provar o fernet, aí um amigo argentino explicou: primeiro a cerveja e depois o fernet. Como o fernet é digestivo, a maioria das vezes eles tomam depois de comer. E como tomam… Enquanto isso outros amigos quando viram a bebida escura acharam que era coca-cola e tomaram em uma golada só. Coitados, sofreram com o amargo sabor da realidade.

Depois do jantar, todos com seu copo de fernet

A Natália do 360 Meridianos fez um post muito legal essa semana sobre o Fernet, se você não conhece a bebida, veja aqui.

O Fernet com coca na mão do meu amigo brasileiro Victor.
Show no meio da festa

Geralmente os noivos contratam algum tipo de show no meio da festa, afinal são mais de 8 horas de festa, não há quem aguente ficar só com o DJ. No meu casamento a minha sogra contratou um casal para dançar e animar a festa. Foi demais.

Casal de dançarinos. Arrasaram.
E vale a pena fazer um casamento na Argentina?

Apesar de tantas diferenças, casar na Argentina foi uma aventura que marcou a minha vida. Se quiser saber como foi a minha experiência, conto tudo aqui nesse post.

Aproveitei muito a minha festa.

Leia aqui todos os posts de casamento, ou aqui todos os post da Argentina

Está procurando hotel para suas férias? O Booking.com tem acomodação que cabe no seu bolso e ainda você ajuda o blog. Reservando através do nosso link você não paga nada a mais por isso e uma pequena comissão é repassada para o blog para seguir o sonho de trabalhar com esse meio.



Booking.com

Precisa de seguro? A nossa parceira Seguros Promo tem as melhores ofertas. Faça sua cotação com eles e se contratar o serviço através do nosso link nos ajudará a manter o blog sempre atualizado.

Curta nossa página no Facebook, siga o nosso Twitter e Instagram para ficar por dentro de todas as novidades. Estou também no Snapchat (likewanderlust), me adiciona lá.

Gostou de “Casamento no exterior: minha experiência casando na Argentina”? Compartilha! Comenta!

Salve esse pin no Pinterest. Pin, pin, pin…

Tem alguma pergunta ou quer dividir sua história? Seu lugar é aqui.